sexta-feira, 15 de abril de 2016

Eterno indescritível



Essa falta de palavras ...
Inexistência de frases
para descrever o que sinto
em tua presença,
e ausência.

Constantes inconstantes,
que mesmo partindo
nunca vão embora.
É sempre presente em,
e para,
meu ser!

Se um dia constar
no dicionário,
por ousadia e presunção,,
a palavra que não procuro.

Juro... De dedinho!
Nunca darei a tal disparate
voz ou tinta.
Muito menos hei de ler seu significado.

Não importando as palavras,
o que sinto por ti,
sempre será
um eterno indescritível!

               ?

Nenhum comentário:

Postar um comentário